Undervolting: O que é? Como fazer?

UndervoltingO Undervolting é uma técnica usado pelos Geeks para reduzir a voltagem e diminuir o consumo de energia do computador.

Lê este artigo do detalhe para descobrires tudo sobre o Undervolting e como podes fazê-lo.

NOTA: não funciona nos processadores Intel core i3, i5, i7 e AMD.

 

O que é o Undervolting?

Como o próprio nome indica, undervolting é o método de reduzir a voltagem padrão de um certo dispositivo.

 

Qual é o objectivo de fazermos undervolting ao CPU?

O objectivo é reduzir a voltagem que passa nos circuitos internos do CPU, de maneira a que seja libertado menos calor (do CPU), que consequentemente irá gastar menos energia durante o seu funcionamento, aumentado desta maneira a autonomia da bateria do portátil. Além de aumentar drásticamente o tempo de vida do CPU, pois estamos a falar numa redução de +/- 15ºC em full load. Outra das vantagens é que o sistema irá funcionar mais estável.

Em certos casos a performance poderá mesmo aumentar. Casos em que as temperaturas em full load obriguem a que os sistema de protecção térmica do CPU façam throttling, ou seja, redução temporária da frequência de relógio do CPU e/ou salto nos cilcos de funcionamento da frequência de modo a abrandar o seu funcionamento e consequentemente reduzir a temperatura.

 

Consequências negativas?

Não existem! Mais à frente vou explicar porquê.

O CPU é uma peça muito complexa, devido aos seus componentes serem de tamanho quase microscópico. Durante o seu fabrico, nem todos os núcleos que provêm da mesma bolacha de silício irão ter a mesma velocidade.

O fabricante testa cada uma das unidades, e atribui-lhe uma frequência de relógio que o mesmo suporta de uma forma estável, existindo sempre uma margem de segurança. Em muitos casos essa margem é explorada no overclocking, ou seja aumentando a frequência de relógio acima do padrão. Neste artigo vamos explorar essa margem de segurança na voltagem em vez de na frequência.

 

 

Como faço undervolting?

1. Faz download do CPU-Z.

 

2. Abre o CPU-Z e verifica qual é o teu Bus Speed.
Undervolting: O que é? Como fazer?

 

3. Faz download do programa RightMark CPU Clock Utility (freeware). E instala o programa.

 

4. Abre o RightMark CPU Clock Utility.
Undervolting: O que é? Como fazer?

 

5. Clica na página Profiles.

Nesta página tens uma lista de vários multiplicadores que o CPU usa. O multiplicador, é como o nome indica, o factor que o FSB (no menu portátil é 166Mhz, no teu portátil viste esse valor no passo 2) terá de ser multiplicado de modo a obter a frequência de funcionamento do CPU. Ou seja, caso o multiplicador seja diminuído, o CPU irá diminuir a frequênca de funcionamento.

O multiplicador máximo que está disponível (no meu portátil) é 10x. Vou então multiplicar o FSB pelo multiplicador, 166×10=1660, ou seja o CPU funciona a 1660Mhz com um multiplicador de 10.

Undervolting: O que é? Como fazer?

 

6. Clica na página Maximal Performance.
Undervolting: O que é? Como fazer?

7. Nessa página clica no botão OS settings.
Undervolting: O que é? Como fazer?

8. Marca a opção: Use OS power plan. E selecciona o plano: Alto Desempenho (ou High Performance, dependo do idioma do Windows).
Undervolting: O que é? Como fazer?

9. Depois clica no botão CPU settings.
Undervolting: O que é? Como fazer?

10. Selecciona as caixas Use P-state transitions (PST), no AC power e Battery. Como é o perfil Maximal Performance, depois selecciona o máximo multiplicador disponível (no meu caso é 10.0x), de modo ao CPU funcionar na sua máxima frequência.
Undervolting: O que é? Como fazer?

11. Volta à página Profiles. No AC power, em Current selecciona Maximal Performance. No outros deixa como estão, No management (muito importante durante o processo de testes, só deve ser alterado quando se obtiver um valor de undervolting estável). Caso também desejemos o mesmo efeito no modo bateria, repetimos a mesma acção.

Mais abaixo, em CPU performance states editor. Aí temos que selecciona as voltagens (VID) a que o CPU irá funcionar, em determinados multiplicadores (FID). Temos que retirar o visto da caixa: Auto-adjust intermediate states VIDs.
Undervolting: O que é? Como fazer?

12. Agora tens que alterar os valores da voltagem do CPU. Começa pelo multiplicador maior (no meu caso é o 10).

ATENÇÃO: Alterar estes valores será semelhante ao overclock, ou seja, tentativa e erro. Caso na voltagem escolhida o CPU se mantenha estável, tentem baixar um pouco mais, testem novamente, baixar um pouco mais, e assim por diante. Sempre que alterarem um valor testem o vosso CPU.

Quando chegar a um valor que provoque instabilidade, volta ao valor anterior, sendo que esse valor anterior fica como o mínimo possível de voltagem para que o CPU fique estável. A instabilidade pode revelar-se de várias maneiras: ecrãs azuis, crash, bloqueio do SO e aplicações a pararem de responder.

Para testar a estabilidade do CPU recomendo que uses o Prime95.
Undervolting: O que é? Como fazer?

13. Depois de aplicares as alterações, usa o CPU-Z para verificar a voltagem a que o CPU está a funcionar.Antes o valor era 1.237V e com a aplicação do undervolting passei para 1.138V como mostra a imagem.
Undervolting: O que é? Como fazer?

14. Para passares a usar sempre esses novos valores de voltagem, no RightMark CPU Clock Utility abre a página Management e restira o X das opções: Restore CPU defaults on management turning off e Restore CPU defaults on application exit.
Undervolting: O que é? Como fazer?

 

No meu portátil HP Pavillion dv6530ep fiz undervolting e continua com a mesma performance, mas agora gera menos calor, antes andava entre os 72ºC e agora não passa os 58ºC.

E tu? Já aplicaste este método no teu portátil?

Os nossos utilizadores classificaram este artigo como

  • undervolting
  • o que é undervolting
  • como se faz um (undervolting)?
  • o que é Undervolt
  • undervolting o que é